[ editar artigo]

Manisfesto Business as Mission

Manisfesto Business as Mission

 

Missão Empresarial – Manifesto do Fórum de Lausanne – Pattaya, Tailândia, 5 de outubro de 2004.

O Grupo

Business as Mission do Fórum 2004 de Lausanne trabalhou durante quase um ano, tratando de questões relativas aos propósitos de Deus para trabalho e negócio, igreja e missão, as necessidades do mundo e o mercado em geral. Fomos mais de 70 pessoas de todos os continentes. A maioria de nós era do contexto empresarial, mas também havia alguns líderes de igrejas e missões, bem como educadores, advogados e pesquisadores. Nosso processo deliberativo contou com 60 artigos, 30 estudos de casos, várias consultas nacionais e regionais, discussões bem fundamentadas e uma semana de diálogo e trabalho em conjunto. Estas são algumas das nossas constatações:

• Cremos que Deus nos criou todos à sua imagem, para sermos criativos e criarmos coisas boas, para nós mesmos e para outros.

• Cremos que devemos seguir os passos de Jesus, que constante e consistentemente atendeu as necessidades das pessoas com que se encontrou, demonstrando assim o reino de Deus. E a maioria das pessoas que vieram a Jesus tinha necessidades físicas.

• Cremos que o Espírito Santo capacita todos os membros do corpo de Cristo para servir, para atender necessidades concretas à sua volta e demonstrar o reino de Deus.

• Cremos que Deus chamou e capacitou empreendedores para fazer diferença no e através do seu negócio.

• Cremos que o evangelho tem o poder de transformar indivíduos, comunidades e sociedades. Os cristãos do ramo empresarial podem ser parte de um processo de transformação integral através da sua empresa.

• Reconhecemos a grande necessidade e também a importância do desenvolvimento empresarial. Mas estamos falando mais do que apenas de negócios. Missão empresarial entende a empresa de uma perspectiva, propósito e impacto de reino de Deus.

• Também reconhecemos que pobreza e desemprego com freqüência predominam em regiões em que o nome de Jesus raramente é ouvido e entendido.

• Reconhecemos que há necessidade da criação de empregos e empresas de postura cristã em todo o mundo, que tenham em vista quatro aspectos fundamentais: transformação espiritual, econômica, social e ambiental.

• Reconhecemos que a igreja tem recursos imensos e em boa parte subutilizados na comunidade empresarial cristã para atender às necessidades do mundo – no e através dos negócios – para promover a glória de Deus no mercado e além dele.

Conclamamos a igreja no mundo todo a identificar, encorajar, abençoar, liberar e comissionar homens e mulheres de negócios para que exerçam seus dons e seu chamado como empreendedores no mercado – entre todos os povos, até os confins da terra. Ad maiorem Dei gloriam – para a maior glória de Deus.

Convening Team: Mats Tunehag Wayne McGee Josie Plummer

Fonte: www.businessasmission.com

Ler matéria completa
Indicados para você